PUBLICIDADE

Nova política de importação de carros elétricos favorece veículos a combustão
Nova política de importação de carros elétricos favorece veículos a combustão

Nova política de importação de carros elétricos favorece veículos a combustão

15 de novembro de 2023

Retrocesso. Após a decisão que restabeleceu a cobrança do imposto de importação para carros elétricos, híbridos e híbridos plug-in no Brasil a partir de janeiro de 2024, entidades como a ABVE, que incentiva o uso e desenvolvimento de veículos de energia limpa no país, se manifestaram contra a medida, considerada prematura. 

Segundo o comunicado publicado pela ABVE, a nova política de Imposto de Importação para veículos leves híbridos e elétricos, anunciada na última semana pelo Gecex/Camex, frustrou todos aqueles que, como a ABVE, apostam no transporte limpo, renovável e sustentável no Brasil.

A conclusão é de que a medida favorece os veículos movidos a combustão no curto prazo, e no médio prazo projeta insegurança para as empresas que planejam investir na mobilidade sustentável, seja na produção de veículos ou na criação de infraestrutura, mesmo para aquelas que já anunciaram a produção local, como GWM e BYD. 

“As medidas anunciadas hoje são muito ruins para a eletromobilidade” – disse o presidente da ABVE, Ricardo Bastos.

“Elas atendem principalmente ao lobby das associações que defendem os combustíveis fósseis, e não aos interesses dos consumidores e da sociedade brasileira, que apoiam um transporte moderno e não poluente”.

Mais grave que isso, a decisão foi precipitada, considerando que o governo federal ainda não concluiu a nova política para o setor automotivo, que sucederá o Rota 2030 e se chamará Mobilidade Verde e Inovação-Mover. 

“O governo decidiu fechar o mercado às tecnologias de baixa emissão antes de as empresas saberem qual será a regra do jogo do futuro regime automotivo” – criticou Ricardo Bastos.

“O resultado será muito ruim para os investidores e para o mercado. Vai encarecer o preço dos veículos elétricos e híbridos no Brasil e afetará as decisões de investimento das empresas que apostavam em regras estáveis para produzir veículos elétricos em território nacional”.

Outro ponto criticado foram as cotas de isenção de importação de veículos elétricos e híbridos anunciadas pelo governo, consideradas insignificantes, diante do tamanho potencial do mercado de eletrificados no país. 

Cotas de importação:

Propulsão:Híbrido (HEV)Híbrido Plug-in (PHEV)Elétrico a bateria (BEV)Caminhões elétricos
Julho/2024US$ 130 milhõesUS$ 226 milhõesUS$ 283 milhõesUS$ 20 milhões
Julho/2025US$ 97 milhõesUS$ 169 milhõesUS$ 226 milhõesUS$ 13 milhões
Julho/2026US$ 43 milhõesUS$ 75 milhõesUS$ 141 milhõesUS$ 6 milhões

Por fim, a ABVE não é contra uma política de incentivo à produção nacional de veículos elétricos, mas sustenta que a medida anunciada se mostra prematura, pois o segmento ainda representa uma parcela pequena das vendas.

FONTE: Motor 1

PUBLICIDADE

Últimas Notícias

PUBLICIDADE

Honda CG160 Fan 2024 0km
Consulte o preço
2024
0 Km
Manual
Flex
VOLKSWAGEN AMAROK HIGHLINE V6 2024 0KM
Consulte o preço
2024
Automático
Diesel
Chevrolet S-10 LTZ 2.8 Aut 2014
R$132.000
2014
140.000 Km
Automático
Hidráulica
Toyota Corolla Xei 2.0 Aut 2016
R$85.900
2016
94.000 Km
Automático
Flex
Hidráulica

Atenção! Nossa plataforma não realiza qualquer intermediação na negociação entre os usuários, seja com relação à compra, troca ou qualquer outro tipo de negociação. As vendas e entregas aos usuários e/ou terceiros de produtos anunciados no site são de inteira responsabilidade do anunciante. As informações veiculadas nos anúncios deste site são de inteira responsabilidade do anunciante, não podendo o usuário responsabilizar o site pela veracidade e/ou autenticidade das mesmas, nem pelos danos diretos ou indiretos causados a terceiros. O preço efetivamente praticado e os demais dados do veículo deverão ser conferidos e confirmados na loja revendedora ou concessionária. Estoque e preços estão sujeitos a conferência e confirmação pelo anunciante.

logo-acc
Abre Campo, Carangola, Caratinga, Guaçuí, Itaperuna, Manhuaçu, Manhumirim, Muriaé e Ponte Nova

CONTATO

Não atendemos ligações. Somente mensagens via whatsapp

EM BREVE NOSSO APP

Aceitamos as principais bandeiras nacionais. *Pagamentos via Pix serão concluídos em nosso sistema para após ser liberados

© Copyright 2022/2024 - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por JMweb